dcsimg Leia Mais - Notícias - Pet Info - Bayer Pet
Bayer Pet - Pet Info

Pet Info

Mantendo a pele e pelagem do seu cachorro saudável

A pele dos cães, assim como a nossa, é classificada como o maior órgão do corpo. No entanto, poucas pessoas sabem disso e, por conta dessa falta de conhecimento, não dão a atenção devida que o órgão precisa. Existem várias funções que a pele executa em beneficio ao organismo, como por exemplo: Proteção contra bactérias, fungos, produtos químicos, traumatismo, radiação solar e etc. O pelo também desempenha uma função protetora, principalmente da pele. Pelo fato de ambas particularidades do corpo do animal ficarem sempre expostas ao ambiente externo, são mais propensas a serem afetas ou traumatizadas por vários fatores.

manutencao-pelo-pelagem-cachorro-cuidados-saude

Foto: Reprodução

A saúde dos cães deve começar primeiramente na pele e pelos. Existem pets que são mais propensos a adquirirem problemas dermatológicos, principalmente os de pelo longo. Muitos tutores pensam que o cuidado da pele e dos pelos é feita no momento que o animal toma banho em casa ou quando vai ao pet shop. Esse é o principal fator que a cada ano sobe ainda mais as doenças dermatológicas nos animais de companhia, principalmente os cães.

Dentre os cuidados rotineiros que o tutor deve ter com seu pet, tais como a escolha da ração, a ida ao médico veterinário, o banho e a tosa, etc, existem outros fatores que devem ser observados frequentemente para que o cão goze de uma ótima saúde da pele. Primeiramente, é importante ressaltar, que cães de pelo e pele clara, que são expostos ao sol, devem usar protetor solar. O número de animais de pele clara com câncer de pele é altíssimo, sendo o câncer mais comum, o Mastocitoma. Então lembre-se, qualquer exposição solar duradoura a que o cão seja submetido, deve-se aplicar o protetor solar nele.

Outro fator bastante comum é a lesão por produtos químicos. Jamais use produtos químicos de limpeza no chão com seu cão presente. A pele dos cães é bastante sensível a produtos ofensivos. Lave o ambiente com produto químico, jogue bastante água para tirar qualquer resquício do produto no piso, e quando secar completamente, o cão pode voltar.

A prevenção de pulgas, piolhos e carrapatos é bastante importante para a integridade da pele do cão. Isso deve ser feito com o auxílio do médico veterinário, onde o mesmo escolherá o melhor produto a ser administrado no animal e no ambiente onde ele vive. Evite colocar o animal em local com objetos pontiagudos e cortantes, pois assim evita traumatismos acidentais. O banho dos cães, que não estão passando por tratamento dermatológico, deve ser feito, no máximo, 1 vez na semana. O banho sendo feito várias vezes na semana, causa ressecamento e prejuízos à pele.

O pelo reflete, na maioria das vezes, a situação de saúde do animal. Um cachorro saudável e com uma boa nutrição, tende a ter pelos mais macios e brilhosos. A escovação do pelo deve ser feita, no mínimo, uma vez a cada 2 dias. Isso ajudará no momento das trocas de pelos e, consequentemente, vai ajudar a manter o pelo sempre bem cuidado e saudável. Em suma, sempre dê a assistência básica aos pelos e a pele, pois isso previne complicações futuras na saúde do pet.

Fonte: Portal do Dog

Voltar

Confirme seu voto abaixo: